Se reeleito, Bolsonaro diz que “resolverá” com Fachin questão sobre decretos de armas

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou nesta terça-feira (6) que, caso, “resolver questão dos decretos” com o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), “em uma semana”. , o ministro restringiu a aquisição de armas e munições para cidadãos comuns, até autorizado por decretos do Executivo.

Peço quem está acreditando que acredita em mim. Acabando as decisões, a gente essa questão dos decretos em uma semana. reeleito, a gente resolve esse problema e outros problemas”, disse em entrevista à Jovem Pan News.

O ministro STF decisões sobre o tema e enviado a plenário virtual da Corte.

O retorno a uma referência a decisão do ministro ao comentar de segurança.

“Você vai chegar para um cara no campo que tem uma arma e falar: ‘Você tem que devolver sua arma ou não pode comprar uma arma’. Enquanto a bandidagem, protegido por essa decisão do Fachin, não pode comprar uma arma sofre qualquer retaliação”, disse.

Postado por Edenenevaldo Alves.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.