Noivos são roubados após festa de casamento e ficam sem alianças, presentes ainda embrulhados e dinheiro da gravata

Criminosos ainda levaram carro alugado e, em vez de lua de mel, casal precisou ficar na delegacia para registar o caso.

“Minha noiva ficou traumatizada, não consegue trabalhar direito e acha que alguém vai persegui-la”, conta o pedreiro Maurício Santos Marques de 24 anos. Ele e a esposa, a auxiliar administrativa Nataly Ester Correa da Silva de 20 anos, foram vítimas de um assalto em Suzano , na Grande São Paulo, no último fim de semana.

O crime foi no momento em que chegavam em casa, logo depois da festa de casamento. Os ladrões roubaram as alianças, os presentes e até o dinheiro arrecadado com a gravata.

A festa foi no dia 6 de agosto, mas começou a ser planejada quando o casal completou um ano de namoro . Desde 2021, Nataly e Maurício juntaram dinheiro e planejaram os detalhes do casamento.

“Foi horrível, na hora eu não entendi nada. Mandaram descer do carro não sabia se era assalto, sequestro ou se fariam alguma maldade com a minha mulher. Fiz tudo que pediram e entreguei a chave do carro. Pediram a carteira e disse que só tinha documentos, mas disseram ‘aqui é ladrão’ e levaram a carteira. O carro era alugado para fazer a viagem de lua de mel para Campos do Jordão.”

Outra consequência foi o cancelamento da lua de mel, porque o casal precisou registrar o boletim de ocorrência. “Além de desesperado em encontrar o carro, fazer o boletim de ocorrência, nossa lua de mel foi esse desastre de correr atrás e apoiar minha noiva que ficou muito desesperada. Foi um momento muito difícil.”

No boletim de ocorrência, os noivos relataram que tinham acabado de se casar e estavam indo para a casa depois da festa. Quando chegaram na frente de casa, foram abordados por quatro homens, um deles armado.

Segundo os noivos, os criminosos mandaram que deixassem os celulares no carro e passassem as alianças. Em seguida, fugiram levando o carro do casal, que era alugado.

No boletim de ocorrência, os noivos afirmaram que no carro estava o dinheiro arrecadado com a gravata no valor de R$ 1,5 mil, todos os presentes, que ainda não tinham sido abertos, botijão de gás, dois fardos de refrigerantes, carregadores de celular, além de documentos.

Fonte: g1

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.