Mulher é morta a facadas e golpes de panela na cabeça; sobrinha de 14 anos confessa crime

Um crime bárbaro foi registrado na noite dessa segunda-feira (24) na cidade de Feijó, no interior do Acre. Uma menina de 14 anos foi apreendida e confessou ter matado a tia Maria Antonieta de Souza Abreu, de 38 anos, com vários golpes de faca.

O assassinato ocorreu no bairro Esperança. Segundo informações da polícia, a adolescente teria tentado matar primeiro o primo de 10 anos, mas, como não conseguiu, trancou a criança em um quarto e partiu para cima da tia.

Após cometer o crime, a adolescente saiu de casa normalmente e cerca de uma hora depois se apresentou no quartel da polícia. O delegado afirmou que ainda vai ouvi-la formalmente, mas que ela demonstrou frieza ao confirmar que tinha matado a tia.

“Ela conta com uma tranquilidade… Disse que não havia uma preparação. Sobre o diário que encontramos, ela disse que era porque ela cultua a morte, que gosta. Mas, acredito que havia, sim, um planejamento”, disse o delegado.

“Foram muitas facadas e ela bateu demais com a panela na cabeça da tia. A faca ficou cravada na vítima. Nunca tinha visto tanto sangue na minha vida. Ela disse que foi porque a tia pegava no pé dela, não deixava ela sair, não deixava namorar. Mas eu não acredito nisso”, completou Ferreira.

As informações são do G1

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.