Anderson Ferreira tem motivos para comemorar na campanha para governador de Pernambuco

Coluna do Diego Lagedo: O ex-prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL), iniciou sua campanha eleitoral com uma série de questionamentos sobre uma possível união sua com Raquel Lyra (PSDB), que acabou não vingando.

Naquele momento, parecia inviável que a oposição enfrentasse o PSB de forma dividida. Ainda assim, quando os socialistas escolheram Danilo Cabral (PSB) para disputar a eleição, esta coluna apontou a fragilidade do candidato governista.

Faltando menos de um mês para o dia da eleição, Anderson chegou a aparecer empatado em segundo lugar com Raquel Lyra, com uma diferença de apenas um ponto percentual. Os números são extremamente animadores para o candidato do PL, tendo em vista que nenhum dos candidatos empatados no segundo lugar precisa ter uma votação expressiva nesse momento para chegar ao segundo turno.

Nesse contexto ainda indefinido, Anderson tem uma carta na manga já conhecida por todos: ele é o candidato apoiado por Bolsonaro em Pernambuco. O voto casado com o presidente da República é mais do que o suficiente para levar Anderson para o segundo turno em Pernambuco, o que já pode ser motivo de festa para a campanha do PL. Fonte Pernambuco em Pauta

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.