Noiva é presa por misturar maconha na comida do casamento

Uma mulher da Flórida, no sudeste dos Estados Unidos, acabou atrás das grades depois de decidir misturar maconha com a comida servida durante seu jantar de casamento em fevereiro, informou a mídia local nesta quinta-feira (21/4).

A brincadeira, realizada com a ajuda de um bufê contratado para a cerimônia, provocou a intervenção do gabinete do xerife do condado de Seminole, no centro da Flórida, e a prisão de duas mulheres.

Segundo os documentos judiciais, as autoridades foram ao local onde acontecia o casamento de Andrew Svoboda e Danya Shea Svoboda, em 19 de fevereiro, depois que vários de seus convidados ligaram para o pronto-socorro porque se sentiam mal.

Uma dessas pessoas, Douglas Postma, tio do noivo, assegurou aos agentes que percebeu seu coração acelerado e começando a ter pensamentos estranhos depois de comer salada Caesar, macarrão e pão.

A esposa de Postma teve que ser internada em um hospital onde THC, o principal componente psicoativo da maconha, foi encontrado em seu sangue.

Miranda Cady, amiga da noiva, sentiu “que seu coração ia parar” depois de comer pão com azeite. Percebendo que estava drogada, ela perguntou à fornecedora, Joycelin Montrinice Bryant, se ela havia colocado maconha na comida. Ela respondeu que sim.

A noiva confirmou a notícia logo depois, parecendo entusiasmada com sua brincadeira, de acordo com a declaração de Cady às autoridades.

*As informações são do Correio Braziliense.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.