Ucrânia nordestina

Pernambuco também vive uma guerra tão mortal, mas silenciosa. Nas últimas 24 horas, 10 assassinatos. Só este ano, com apenas dois meses transcorridos, 500 vidas foram tombadas. No ano passado, um dos mais cruéis, três mil pessoas partiram mais cedo para a última viagem e o governador Paulo Câmara faz de conta que está tudo bem, que o Estado está tranquilo no quesito segurança. O Pacto pela Vida, de Eduardo Campos, há muito virou letra morta. A Ucrânia também é aqui. Postado por Magno Martins.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.