Anderson: Risco de ser golpeado

Se não assumir o bolsonarismo em Pernambuco, o que não tem feito até o momento, o prefeito de Jaboatão, Anderson Ferreira, presidente estadual do PL, partido do presidente da República, perderá o controle da legenda no Estado.

Segundo uma fonte do Planalto, ele foi chamado para uma conversa definitiva com o presidente nacional da legenda, Valdemar Costa Neto, amanhã, em Brasília. Bolsonaristas reclamam que Anderson encheu o Estado de outdoor sem fazer uma única referência a Bolsonaro. Magno Martins

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.