Novo Lazaro em Glória Goitá -PE suspeito é acusado de matar duas mulheres

Edson Cândido Ribeiro, 35 anos, é suspeito de matar Jailma Muniz da Silva, de 19 anos, e Kauany Mayara Marques da Silva, de 18 anos.

Polícia Civil confirmou nesta quarta-feira (2) que há relação entre as mortes das jovens Jailma Muniz da Silva, de 19 anos, e Kauany Mayara Marques da Silva, de 18 anos, ambas assassinadas em Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco. A corporação também pediu ajuda para achar o suspeito dos crimes.

O acusado, segundo a polícia, é Edson Cândido Ribeiro, de 35 anos. Um mandado de prisão temporária foi expedido pela Comarca de Glória de Goitá, que também autorizou a divulgação oficial da imagem do procurado.

Quem tiver informações pode entrar em contato com a polícia pelo Disque Denúncia, no número (81) 3658.2905 ou da Ouvidoria da SDS 0800.081.5001. O sigilo é garantido.

As mortes

Jailma Muniz da Silva, de 19 anos, foi estuprada e assassinada na área rural de Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco — Foto: Reprodução/WhatsApp

Todos os dias, Jailma Muniz da Silva preparava uma garrafa com café e um lanche para levar para a mãe e para o irmão, que trabalham na lavoura de limão, na zona rural de Glória do Goitá. Na segunda-feira (31), os parentes repararam que a jovem estava demorando muito para chegar.

Policiais foram até a área de matagal onde o corpo de Jailma Muniz da Silva, de 189 anos, foi encontrado, em Glória do Goitá, na Zona da Mata de Pernambuco — Foto: Gilmar Santos/WhatsApp

O corpo dela foi encontrado a menos de um quilômetro da casa em que a família vive, ainda na manhã da segunda. A polícia foi acionada e, desde então, foram realizadas buscas na área de mata, que é uma região de difícil acesso, em busca do autor do assassinato.

No mesmo dia, veio à tona o desaparecimento da jovem Kauany Mayara Marques da Silva, de 18 anos. Ela desapareceu no sábado (29). Na terça-feira (1º), moradores encontraram o corpo dela num bueiro, dentro de uma tubulação, numa área em que havia bastante vegetação.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.