Grave acidente de helicóptero em Belo Horizonte

“Na hora que caiu, eu já falei: ‘vou morrer’ e fechei o olho. Eu só queria sair lá de dentro, fiquei desesperada. Você só pensa que vai morrer”, disse a dentista Raisa Leal, de 30 anos, após sobreviver à queda de um helicóptero em Belo Horizonte, na manhã deste sábado (8).

Ela estava na aeronave com a piloto e os empresários Fernando de Castro, de 24 anos, e Francisco de Castro, de 22. Os quatro saíram ilesos do acidente, no bairro Olhos D’Água, na Região Oeste da capital.

O acidente foi por volta das 9h30. A aeronave havia acabado de decolar do helicentro e caiu cerca de 500 metros depois, em uma área de mata densa. O grupo estava indo visitar a avó dos rapazes em Ipatinga, no Vale do Aço, e voltaria a tempo do dia das mães.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve um pequeno vazamento de combustível e os militares se mobilizam para fazer o transbordo do tanque. A aeronave é do modelo Robinson R44, com capacidade para quatro pessoas e peso total de 1.134 kg. G1 Minas

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *